quarta-feira, 9 de junho de 2010

As alianças: Velha ( Mosaica ) e Nova ( cristã )



INTRODUÇÃO:


Há muita confusão no mundo religioso no que se refere aos ensinamentos do Velho e Novo Testamentos.


VELHA ALIANÇA – DEFINIÇÃO


  • A velha aliança era um acordo entre Deus e uma nação chamada Israel, feito quando os israelitas saíram do Egito e foram para o Sinai (Deuteronômio 5:1-3).


VELHA ALIANÇA – PROPÓSITO E UTILIDADE


  • Santa, justa, boa e define o pecado (Romanos 7:7-12)
  • Tutor (educador / guia até a idade adulta) (Gálatas 3:23-25)


VELHA ALIANÇA – PROFECIA SOBRE SEU FUTURO


  • Ainda na era Mosaica, Deus pronunciou o estabelecimento de uma nova aliança (Jeremias 31:31-34)

  • Mas, as leis Mosaicas não são estatuto perpétuo? (Êxodo 31:12-17)

Ex.29:9 (Sarcedócio); Ex.30:8 (Incenso); Ex.31:16 (Sábado); Lv.24:3 (Candelabro aceso); Lv.3:17 (Gordura e sangue); Nm.19:21 (Purificação cerimonial); etc.


Estas passagens fazem óbivio que “perpétuo” não significa “eterno” no sentido que normalmente pensamos. De fato, a palavra hebraica tem a idéia de “até o fim de um certo longo tempo”.


Notamos que Aquele que disse que o sábado seria estatuto perpétuo, também disse que as demais leis citadas acima seriam igualmente perpetuas. Como entender? Anularia Deus uma aliança que Ele mesmo estabeleceu?

“...eles anularam a minha aliança” ( Jeremias 31:32 ) – Quem anulou a aliança não foi Deus antes do povo o fazer. Por isso se fez necessário firmar “...nova aliança” ( Jeremias 31:31 ). Ex: contrato contendo duas partes envolvidas.


A VELHA ALIANÇA – EXTINTA NA CRUZ


  • O tema da carta aos hebreus ( descendentes de Abraão, judeus, israelitas ) é a superioridade da aliança cristã em comparação com a aliança mosaica.

  • Jesus é mediador de superior aliança que contém superiores promessas ( Hebreus 8:6 )

  • A primeira aliança envelheceu e ficou prestes a desaparecer em torno dos anos 600 AC, quando Deus anunciou a vinda de uma nova. ( Hebreus 8:13 )

  • “Se revoga ( anula ) a anterior ordenança...” ( Hebreus 7:18-19)

  • A lei vigorou até conduzir a Cristo ( Gálatas 3:25 )

“Já não permanecemos subordinados...” a Lei.

  • Somente há salvação mediante a observância perfeita à Lei ( o que não é possível ao homem ) ou mediante fé em Cristo. ( Gálatas 5:1-4 )
  • “A Lei dos mandamentos em forma de ordenanças” foi abolida ( Efésios 2:14-15 ).
  • Perdão de pecados quando da remoção da Lei que nos condena ( Colossenses 2:13-17 )


As ordenanças (mandamentos) foram cancelados e removidos somente quando Cristo morreu na cruz. Isso deve explicar o fato de Ele e seus discípulos terem guardado a Lei Mosaica e pedido aos outros para fazerem o mesmo ( Mateus 5:17-19; 23:23 ).


Ninguém deve julgar outro por sua observança ou não a Lei, ou questões acerca de comida, bebida ( 1 Timóteo 4:1-4; 1 Coríntios 8:8 ), dias especiais ( Romanos 14:1-23 ). Todas estas coisas são sombras do que é real.


NOVA ALIANÇA – SEU ESTABELECIMENTO


  • Superioridade de Jesus em relação a Moisés ( Hebreus 3:1-6; 8:6 )
  • Jesus tem toda a autoridade no céu e na terra ( Mateus 28:28 )
  • Antes de Moisés e Elias devemos ouvir a Jesus ( Mateus 17:4-5 )
  • Seremos julgados pela palavra de Jesus ( João 12:48 )
  • Jesus é Senhor do ( tem toda autoridade sobre ) sábado ( Lucas 6:1-5)
  • Jesus tem toda autoridade sobre as Leis ( Mateus 5:27-28; 33:34 )
  • A aliança Cristã passa a vigorar a partir da morte de seu testador que é Jesus ( Hebreus 9:15-22; Mateus 26:26-28 )


COMO ENTENDER MATEUS 5:17-20?


Se Jesus estivesse dizendo que nada iria mudar desde Moisés até o fim de todas as coisas, então isso significa que todos os textos citados anteriormente são contraditórios.


Jesus não disse que a Lei não passaria até o dia em que o céu e a terra passassem, e sim que não passaria até que tudo se cumprisse. E quando se deu tal cumprimento?


  • Jesus cumpriu a Lei explicando que as regras não são mais importantes que os princípios eternos. Observe os versículos seguintes: Mateus 5:21-48. e também Mateus 12:1-14. A mudança que ocorreu foi a extinção das regras, não dos princípios ( Mateus 22:34-40; Romanos 13:8-10; Gálatas 5:14; Mateus 7:12 ).

  • Jesus cumpriu todas as profecias a Seu respeito que faziam parte da Lei ( Lucas 24:44-46; Jeremias 31:31-34 ).

  • Jesus cumpriu ( preencheu, satisfez ) as deficiências da Lei de acordo com a presciência e predeterminação de Deus ( Romanos 3:19-31; 10:3-4; Gálatas 3:22-25 ).

  • Jesus está em total harmonia com a Lei, pois a essência dos Seus ensinos é a mesma da Lei: A Santidade de Deus.


CONCLUSÃO:

Com base nos textos analisados, concluímos que não estamos, nos dias atuais, sujeito à Aliança Mosaica. Se alguém tentar justificar-se por observar a Lei ( Sábados, dízimos, comidas, etc. ) ou exigir sua observância, invalida a graça.



2 comentários:

  1. SONHO EM RECEBER DE DEUS SABEDORIA E DIRECAO DO ESPIRITO SANTO PARA TIRAR TODAS AS MINHAS DUVIDAS QANTO A DISIMO E MUITAS PREGACOES QUE EU NAO CONCORDO E QUE AS VEZES PASTORES TENTA TE ENFIAR GUELA ABAIXO

    ResponderExcluir
  2. EU ESTAVA NUM MUNDO DE CONFUSÃO ATE ENTENDER QUE NÃO VIVO MAIS A VELHA ALIANÇA E SIM A NOVA,

    ResponderExcluir